Bares de Belo Horizonte recebem segunda edição de festival internacional de divulgação científica
Pint of Science acontece entre 15 e 17 de maio em cinco bares da capital
Publicado: 26/04/2017 11:04

O festival internacional de divulgação científica, Pint of Science, leva pesquisadores para fora dos laboratórios durante três noites especiais para falar diretamente com o público em um ambiente descontraído e informal. Temas como big data, mobilidade urbana, redes sociais, energia nuclear, reforma do ensino médio e muitos outros estão na programação deste ano, que acontece de 15 a 17 de maio em cinco bares de BH, dois a mais do que no ano passado.

Durante as três noites do evento, o público poderá participar de 15 debates que acontecerão, a partir das 19h30, em cinco locais: Cantina do Lucas, Cafeteria MM Gerdau, Café com Letras CCBB, Santa Praça, Filé Espeto & Cia. O evento é gratuito e os participantes só pagarão o que consumirem nos estabelecimentos em que ocorrerá cada bate-papo. Como não são realizadas inscrições ou reservas antecipadas, é necessário que os interessados cheguem antes para garantir seu lugar.

No ano passado, mais de sete mil pessoas participaram do evento, que aconteceu em sete cidades brasileiras, incluindo BH. Este ano, a iniciativa se espalhará para mais 21 cidades do país.

 

Como tudo começou

A ideia surgiu quando dois pesquisadores do Imperial College London, Michael Motskin e Praveen Paul, organizaram um evento chamado Encontro com pesquisadores em 2012. Nesse evento, pessoas acometidas por algumas doenças foram convidadas a conhecer os laboratórios dos pesquisadores e ver de perto o tipo de pesquisa que realizavam.

A experiência foi tão inspiradora que os dois decidiram propor uma iniciativa em que os pesquisadores pudessem sair de seus laboratórios para contar como é o trabalho que fazem e os impactos disso na vida da população. Nasceu, assim, o Pint of Science, que rapidamente se espalhou pelo mundo. Em 2015, o evento foi realizado pela primeira vez no Brasil pelo Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos.

Em Belo Horizonte, o Pint será realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SEDECTES) e conta com a colaboração da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG). Já em âmbito nacional, o festival é apoiado pela Elsevier, pela Galoá e por três Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID), financiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP): o Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria; o Centro de Pesquisa em Obesidade e Comorbidades; e o Centro de Pesquisa, Educação e Inovação em Vidros.

 

Programação Pint of Science BH:

 

19h30 às 21h:

Segunda-feira 15/05

Terça-feira 16/05

Quarta-feira 17/05

Cantina do Lucas

Matemática e Música: Números, acordes, equações e melodias

Esfera pública ampliada ou palanque virtual? Redes sociais e ativismo

Mobilidade Urbana: vai para onde?

Cafeteria MMGerdau

Automatização de tudo? Big Data, Machine Learning, Internet das Coisas e Internet Preditiva

Fábrica de Musas e Monstros: fisiologia do esporte e Modismo na dieta

Mineração do future: uso de rejeitos e resíduos

Café com Letras

“Minas são muitas, né não, sô?” A ciência do mineirês

Energia Nuclear: aplicações, possibilidades e mitos

O mundo vai desaparecer? Inovação e novos modelos de economia

Santa Praça

Febre Amarela: surto, prevenção e estratégias de combate

Cerveja: a ciência dentro da garrafa

Gamificação: o que está em jogo?

Filé Espeto & Cia

Ciborque: o fim dos limites versus dependência tecnológica

Reforma do Ensino Médio: soma, diminui, multiplica ou divide?

Envelhecimento e Alzheimer: memórias em apuros

*Programação sujeita à alteração

 

Contato para imprensa:

Daniela Pessoa – 3915-5041 / daniela.pessoa@tecnologia.mg.gov.br

Nathália Moreira – 3915-5030 / nathalia.moreira@tecnologia.mg.gov.br

Raisa Mendes – 3915-5118 / raisa.mendes@tecnologia.mg.gov.br